Home
Presidente
Diretoria
Memória
Sede
Subsedes
Colônia de Férias
Imprensa
Jornal "A Massa"
Boletins
Aposentados
Associados
Departamentos
Benefícios
Serviços
 
Campanha Salarial SP: Assembleia aprova reajuste de 8,10%
03/12/2012
Fotos: Paulo Rogério "Neguita"

 

E a PLR (Participação nos Lucros e Resultados) terá aumento de 15%

 

O auditório do Sindicato dos Padeiros ficou lotado na noite da segunda-feira (26), em mais uma assembleia da Campanha Salarial 2012/2013, referente à base territorial de São Paulo. Padeiros, confeiteiros e demais profissionais do segmento aprovaram, por unanimidade, a nova proposta do Sindicato Patronal: reajuste de 8,10% (INPC de 5,99% + 2% de aumento real); aumento do Piso Salarial de 8,50% (aumento real de 2,37%); e aumento da PLR (Participação nos Lucros e Resultados) de 15% (aumento real de 8,50%). Os índices passam a ter validade a partir do dia 1º de novembro.

 

Com relação ao Piso Salarial, nas empresas com até 60 empregados, o novo valor será de R$ 934,62; e nas empresas com mais de 60 empregados, o piso sobe para R$ 1.009,36.

 

Já a PLR nas empresas com até 20 empregados ficou em R$ 184,00; com 21 a 35 empregados, R$ 264,50; e com mais de 36 empregados, R$ 350,75. O pagamento da PLR será dividido em duas parcelas. A primeira no quinto dia útil do mês de abril de 2013 e a segunda no quinto dia útil do mês de agosto de 2013.

 

Mais benefícios

 

Os trabalhadores aprovaram também na assembleia: o abono Dia do Padeiro (13 de junho) no total de R$ 65,00; o Adicional Noturno, que passa a ser de 35%; e o Direito à Alimentação dentro das empresas a todos os trabalhadores – uma luta constante do Sindicato que agora faz parte da Convenção Coletiva de Trabalho.  

 

Para o presidente do Sindicato dos Padeiros, Chiquinho Pereira, “as negociações deste ano tiveram alguns avanços, entre eles o reconhecimento do Direito à Alimentação e o reajuste salarial acima da inflação acumulada. O Sindicato, porém, continuará a luta pelo reconhecimento de outras reivindicações, como o da Cesta Básica em todos os locais de trabalho”.

 

 

CONFIRA AS PRINCIPAIS CONQUISTAS DOS TRABALHADORES DE SP

 

Reajuste Salarial: 8,10%

Pisos Salariais:   R$    934,62 (nas empresas com até 60 empregados)

                            R$ 1.009,36 (nas empresas com mais de 60 empregados)

 

PLR (Participação nos Lucros e Resultados): R$ 184,00 (nas empresas com até 20 empregados); R$ 264,50 (nas empresas com 21 a 35 empregados); R$ 350,75 (nas empresas com mais de 36 empregados).

 

Dia do Padeiro: R$ 65,00

 

Adicional Noturno: 35%

 

Alimentação. No caso de a Padaria não fornecer nem refeição e nem lanches, ela concederá tíquete no valor de R$ 10,00 a refeição. O trabalhador pagará R$ 0,20 por refeição.

 

Fotos: Paulo Rogério “Neguita”